Skip to content

Investigação de incidentes com metodologia TASC

A investigação de acidentes envolve o exame sistemático de um evento indesejado que resultou, ou poderia resultar, em lesões às pessoas, danos à propriedade ou perdas no processo. Metodologias e técnicas modernas e adequadas de investigação conforme o potencial de perda de cada evento acidental é um fator de sucesso nos processos de aprendizado com os eventos.

Conteúdo Programático

  • Conceitos básicos de investigação de incidentes.
  • Planejamento da Investigação.
  • Modelo da Casualidade de Perdas da DNV.
  • Levantamento de evidências- usando a metodologia dos quatro P’s - Posição, Pessoas, Partes e Papéis e um E – Eletrônicas.
  • Estudo de Caso aplicação da TASC da DNV em Investigações.

Público-alvo

  • Profissionais de Sistemas de Gestão de Segurança e Saúde do Trabalho, Qualidade, Meio Ambiente.
  • Gerentes Operacionais, Recursos Humanos e Administradores.

Objetivos do treinamento

O treinamento : “Investigação de incidentes com metodologia TASC “ têm por objetivo fornecer aos participantes os principais conceitos, técnicas e aplicação da ferramenta TASC da DNV para a investigação de incidentes. A apresentação dos conceitos é realizada de forma interativa enfatizando atividades que envolvem exercícios práticos, sessões de brainstorming e troca de experiências, o que propicia aos participantes a assimilação e entendimento dos conceitos apresentados e sua aplicação prática.

Conduzir uma investigação de incidentes usando as seguintes técnicas:

  • Coletar evidências usando a metodologia dos quatro P’s - Posição, Pessoas, Partes e Papéis e um E- Eletrônicas;
  • Identificar e usar métodos para preservar evidências de posição; 
  • Usar diretrizes para uma entrevista efetiva;
  • Identificar as evidências de partes;
  • Identificar as evidências de papel contidas em diversos registros;
  • Aplicar o Modelo de Causalidade de Perdas;
  • Como aplicar a TASC como parte do processo de investigação de incidentes;
  • Identificar as perdas, os contatos, as causas imediatas, as causas básicas, e a falta de controle no incidente (uso da Técnica de Análise Sistemática de Causas da DNV - TASC);
  • Desenvolver as ações corretivas associadas ao sistema de gestão da empresa.